fbpx
quarta-feira , abril 8 2020
Home / Alimentação / Alimentação no 1º Ano de Vida
alimentacao primeira ano

Alimentação no 1º Ano de Vida

A alimentação do bebé é muito importante para que cresça forte e saudável. O leite materno é sem dúvida o alimento mais completo e adequado. A OMS recomenda a amamentação em exclusivo até aos 6 meses de idade.

Para as crianças que são alimentadas com LA até ao 4º mês de vida o bebé deve alimentar exclusivamente de leite, a partir desta altura deve-se começar a introduzir-se progressivamente outros alimentos na sua dieta.

Quando começar a dar Alimentação Complementar ao bebé

A introdução de novos alimentos na alimentação do bebé é uma das mais controvérsias em torno da maternidade, vai ouvir muitas opiniões, algumas verdadeiramente radicais, sobre este tema, o mais importante é que siga as recomendações do médico de família ou do pediatra que acompanha o desenvolvimento do seu bebé e, principalmente, o seu coração de mãe.

As crianças são todas diferentes e as suas necessidades também logo não existe uma fórmula mágica.

Alimentação do bebé no primeiro ano de vida

A introdução de novos alimentos não é fácil, não pense que a criança vai começar a comer bem logo na primeira tentativa, é um processo lento e que deve respeitar o ritmo da criança.

Aos 4 meses

Para crianças alimentadas com LA

papa láctea, sem glúten, ao pequeno-almoço ou ao almoço ou sopa de legumes

sobremesa de fruta (maçã, pêra ou banana)

Leite às restantes refeições.

Aos 5 meses

papa láctea sem glúten

sopa de legumes (ao almoço)

sobremesas de fruta

Leite às restantes refeições.

Receita da primeira sopa do bebé

1 batata pequena

meia cenoura

1 legume

Alface, abóbora, repolho, brócolos ou alho francês…

Os legumes novos devem ser sempre introduzidos com um intervalo de 3 dias entre eles para verificar possíveis alergias.

Acrescente uma colher de chá de azeite no prato, o azeite deve ser colocado na sopa mesmo antes de servir.

Aos 6 meses:

papa láctea com glúten

sopa de legumes

sobremesa de fruta

Leite às restantes refeições.

Aos 7 meses:

papa láctea com glúten

sopa de legumes com carne

sobremesas de fruta.

Leite às restantes refeições.

Aos 8 meses:

Alterne a sopa de peixe com a de carne, atenção às espinhas.

iogurte natural com 3-4 bolachas Maria ou torrada

gema de ovo 2-3 vezes por semana na sopa

Leite às restantes refeições.

Após os 12 meses:

O bebé deve ingerir a dieta alimentar da família, embora com pouco sal e açúcar. Tenha paciência durante a adaptação aos novos sabores, e insista em para que ele se habitue a comer um pouco de tudo.

Pode atrasar 1 ou 2 meses a introdução de uma ou mais refeições e de um ou mais alimentos, não existe um consenso geral sobre este assunto, deve seguir o seu instinto de mãe, desde que de forma consciente.

Actualizado em:

AUTOR: Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.

VEJA TAMBÉM:

grávida não deve comer restos comida

Mães Grávidas não Devem Comer os Restos de Comida dos Filhos mais Velhos

Quando uma mulher fica grávida ela tem que deixar de lado alguns hábitos que podem …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *