Esquisitices sobre a Gravidez que Ninguém Conta

Hoje vamos falar sobre esquisitices sobre a gravidez que ninguém conta  A gravidez é um processo natural. Através da gestação a população renova-se, mas apesar de ser algo muito natural há alguns aspetos “esquisitos” que quase ninguém comenta.

Alguns destes fatos são bastante surpreendentes e alguns até chocantes.

Veja algumas coisas estranhas que podem acontecer durante uma gravidez.

Coisas Esquisitas que podem Acontecer na Gravidez

A verdade é que a maioria destas “esquisitices” acontece devido às mudanças no corpo da mulher. O corpo da mulher sobre transformações ao longo de 40 semanas e é normal que provoque algumas mudanças no corpo e nos comportamentos da mulher.

O pai pode ter sintomas de gravidez

Na brincadeira costumamos comentar que a barriga dos pais cresce durante a gravidez da mãe. É o Síndrome de Couvade. A verdade é que o pai pode sentir alguns sintomas da gravidez como enjoo matinal, azia, dor abdominal. Estranho mas engraçado.

Os meninos podem ter ereção dentro do útero

O feto masculino começa a ter ereções ainda dentro do útero. Este fato já foi confirmado em ecografias e não deixa de ser surpreendente. A maioria das mães não gosta de pensar neste assunto mesmo quando eles já são crescidos.

A gravidez pode durar 1 ano

A maioria das gravidezes dura cerca de nove meses, os médicos costumam induzir o parto quando a gravidez atinge as 42 semanas, mas há relatos de gravidezes que se prolongaram por mais tempo. A gestação mais longa do mundo durou 375 dias.

As contrações não param no parto

O bebe nasce e as contrações param, errado. A maioria das mães sente contrações nos primeiros dias após o nascimento de seus filhos. Estas contrações são uma forma do corpo voltar ao normal e controlar a perda excessiva de sangue.

A grávida pode fazer coco durante o parto

Esta é uma parte do parto que aterroriza muitas mulheres, fazer coco durante o parto. É muito comum que uma mulher passe por este processo. Durante o parto os músculos que são usados para empurrar o bebe para fora são os mesmos usados na evacuação. Não fique envergonhada ou com medo, os médicos estão habituados e na maioria dos casos a gestante nem fica a saber.

Perdas de urina

Durante a gravidez os músculos da vagina ficam mais descontraídos, é normal, especialmente, no final da gravidez sentir algumas perdas de urina. Nesta fase é importante fazer a distinção entre perda de urina e perda de líquido. Mas não fique preocupada o problema fica resolvido algum tempo depois do parto.

A gravida brilha

Durante a gravidez a pele da mulher fica mais brilhante. Este fato deve-se ao fato de haver um aumento de 50% da quantidade de sangue. O sangue extra torna a pele mais suave e mais brilhante.

O pé pode crescer na gravidez

A verdade é que o pé das grávidas pode crescer. Pode aumentar o seu tamanho entre 1 a 3 números. Este fato deve-se ao fato do corpo liberar a tensão dos seus ligamentos para ajudar com o processo do parto. O pé começa a crescer para ambos os lados. A verdade é que a maioria das grávidas pode voltar a calçar o mesmo número, mas algumas ficam mesmo a calçar um número maior.

A grávida pode enjoar do marido

A gravida pode enjoar do marido, não do marido em si mas do seu cheiro. Durante a gravidez, o seu olfato aumenta, isto pode levar a grávida a ficar enjoada do cheiro do pai, do perfume, do aftershave, do sabonete, da pasta dos dentes.

Partilhe algumas experiências na sua gravidez.

Advertisement
Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.