Razão do segundo filho é sempre mais rebelde que o primeiro?

A maternidade é algo especial, todas as mães sabem que os filhos cabem todos no seu coração e que tentamos dar a todos o mesmo amor e as mesmas oportunidades. Apesar de tudo o segundo filho costuma ser mais rebelde, por será?

Acontece que muitas vezes, devido à personalidade de cada um, acabamos por dar um tratamento diferente sem nos apercebermos.

A verdade é que em algum momento do seu crescimento os filhos sentem-se injustiçados e acham que os pais preferem os outros, apesar de isso não acontecer.

Segundo filho é sempre mais rebelde que o primeiro?

O segundo filho costuma ser mais rebelde porque sentem que necessitam de ganhar o seu espaço.

A verdade é que quando nasce o primeiro filho os pais ainda estão a aprender sobre a maternidade e paternidade, ainda são inexperientes e qualquer situação provoca medo e receio. Qualquer situação é razão para ligar para o médico.

Com o segundo filho estamos confiantes e sabemos analisar cada situação com mais calma e sem grande stress.

Para além disso o primeiro filho é sempre o mais velho e assume desde cedo essa tarefa, os pais costumam pedir ajuda e dar-lhes mais responsabilidades.

O primeiro filho será sempre o modelo a seguir pelos mais novos, este fato pode levar à rebeldia dos outros que sentem que não precisam seguir as regras dadas pelo irmão.

Eles podem sentir que o irmão tem mais destaque na vida de seus pais e a melhor forma de chamar a atenção dos pais é a rebeldia, tentam através dos seus comportamentos, birras centrar em si as atenções.

Como lidar com a rebeldia do segundo filho?

Não existe uma solução, afinal a maternidade é algo bastante complexo e complicado.

Cada filho é um ser único, e é natural que existam algumas comparações, mesmo que de forma inconsciente, a forma como as crianças lidam com o seu quotidiano vai ajudar a desenvolver a sua personalidade.

Temos que adaptar o nosso modo de lidar com cada filho. Passar tempo de qualidade com cada um, promover atividades em conjunto, conversar muito e mostrar que estão sempre disponíveis para os ajudar a ultrapassar as suas dificuldades e receios.

Advertisement
Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.