Quantidade de fraldas que o bebê usa: veja como calcular a média

Antigamente se usava fralda de pano nos bebês e as mães lavavam todos os dias. Era preciso uma grande quantidade, é verdade, mas eram todas reaproveitadas. Hoje em dia poucos pais abrem mão da praticidade das fraldas descartáveis, mas essa praticidade tem um preço e é bem alto, talvez um dos maiores gastos básicos durante a primeira infância.

Então, uma das melhores formas de se preparar para esse gasto é calculando a quantidade de fraldas que o bebê usa ou vai usar por semana e por mês, pelo menos para fazer uma média e ajudar a controlar melhor as despesas.

São muitas as fraldas que vai precisar e nós deixamos uma ajuda para fazer os cálculos.

Quantidade de fraldas que o bebê usa por mês: quantas fraldas comprar?

Por mais que não seja possível fazer uma conta exata de fraldas, já que não tem como prever quantas vezes o seu bebê vai fazer xixi e cocô por dia, é possível chegar a uma média.

Assim os pais não precisam ter medo de faltar fralda em um momento imprevisto, nem de comprar em excesso e deixar de servir.

Espere o bebê nascer

Antes de comprar um armário cheio de pacotes de fralda mesmo antes de o seu bebê nascer, lembre-se que a fralda vai depender do tamanho do bebê. Sendo assim, compre apenas um pacote até ele nascer para saber seu peso e altura. Só depois pense no estoque.

Considere o crescimento do bebê

Ainda que você espere o bebê nascer para decidir quantas fraldas comprar, vale lembrar que o seu bebê vai crescer um pouquinho a cada dia e esse crescimento é mais acelerado no primeiro ano, então, as fraldas bem pequenas logo vão deixar de servir.

Não vale a pena fazer um estoque muito grande. Já as fraldas maiores são usadas por um período mais longo, entretanto, a necessidade de trocas diminui.

Conte as mamadas

Uma dica útil e bem importante para começar a contabilizar a quantidade de fraldas que o bebê usa,  por dia, é saber que a cada mamada uma fralda é trocada. Isso quer dizer que, para um recém-nascido, ocorre a cada duas ou três horas.

Com o crescimento do bebê, as mamadas vão ficando mais espaçadas, bem como as trocas de fraldas, então considere uma checagem a cada três horas.

Fazendo as contas por dia e pela idade do bebê

Se o seu bebê é (ou logo será) um recém-nascido e você troca as fraldas dele a cada duas horas, por exemplo, em um dia de 24 horas a fralda será trocada 12 vezes.

Então, são 12 unidades por dia. Mas há quem precise de apenas 8 ou 10 fraldas por dia nessa fase, que dura cerca de 2 meses.

Então, o melhor é ir pela média até conhecer bem as necessidades do seu filho:

Quantidade de fraldas que o bebê usa

Até 2 meses de vida: de 8 a 10 fraldas por dia

De 3 a 6 meses de vida: de 6 a 8 fraldas por dia

De 6 meses a 1 ano: 6 fraldas por dia

De 1 a 2 anos: 4 a 6 fraldas por dia

Tamanho das fraldas faz diferença

É importante também incluir o tamanho das fraldas no cálculo porque como as trocas ficam mais espaçadas conforme o bebê cresce, os pacotes de tamanhos maiores vêm com menos unidades. De modo geral, é o seguinte:

Tamanho RN: até 4 kg ou 5 kg

Tamanho P: até 6 kg ou 7 kg

Tamanho M: entre 6 e 11 kg

Tamanho G: entre 9 e 14 kg

Curva de crescimento

A Organização Mundial de Saúde (OMS) elaborou um gráfico com as curvas de altura e peso das crianças usada pelos médicos pediatras. Eles chegaram a um padrão médio que pode ser útil na hora de saber a quantidade de fraldas que o bebê usa.

Média é chegar a 4 kg no primeiro mês, quantidade limite da fralda tamanho RN.

Média é chegar a 6 kg entre os 2,5 e 3 meses, quantidade limite da fralda tamanho P.

Média é chegar a 10 kg até 1 ano e 2 meses ou 1 ano e meio, quantidade limite segura da fralda tamanho M. Esse tamanho de fralda será usado por cerca de 1 ano, mas tenha como média 9 meses de uso.

Média é chegar a 12 kg com cerca de 2 anos de vida, quantidade limite segura da fralda tamanho G. Assim como o tamanho M, esse tamanho de fralda será usado por cerca de 1 ano, mas tenha como média 9 meses de uso.

Então, qual a média da quantidade de fraldas que o bebê usa?

Mesmo havendo uma base de cálculo, lembre-se que cada bebê tem um ritmo de crescimento e necessidade de troca de fraldas. Também, os pacotes de cada marca vêm com quantidades diferentes.

Então, use essa conta como base para adaptar às necessidades do seu filhote. Veja abaixo e preste atenção na média de períodos de uso para cada tamanho, pois variam:

Pacotes RN com 40 fraldas (em média) x 8 a 10 trocas por dia = 112 a 140 fraldas para duas semanas (3 a 4 pacotes);

Pacotes P com 50 fraldas (em média) x 8 trocas por dia = 600 fraldas em 2 meses e meio (12 pacotes);

Pacotes M com 45 fraldas (em média) x 6 trocas por dia = 1.600 fraldas em 9 meses (pelo menos 30 pacotes);

Pacotes G com 30 fraldas (em média) x 4 trocas por dia = 1.000 fraldas em 9 meses (pelo menos 25 pacotes).

Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.