fbpx
Home / Gravidez / É normal sentir medo durante a gravidez
sentir medo gravidez

É normal sentir medo durante a gravidez

A gravidez e o nascimento de um filho são um sonho de muitas mulheres e casais. Apesar de ser algo desejado é normal sentir medo durante a gravidez.

Todas as grávidas sentem medo em alguns momentos da sua gestação. A intensidade e a frequência diferem de mulher para a mulher e de gravidez para gravidez.

Um dos problemas é que a maioria das gestantes não assume estes medos, e quem sente acaba por sentir que não é algo normal.

As grávidas sentem medo?

A razão das grávidas sentirem medo depende de muitos fatores. A maioria das mulheres sente medo e receio das dores do parto, outras sentem medo que o bebê tenha algum problema de saúde, mas as razões podem ser diversas.

O medo aumenta em casos de perdas gestacionais anteriores, doenças familiares e condições económicas desfavorecidas.

Apesar de o medo ser um sentimento comum da maioria das grávidas, e este ser considerado normal perante algo incerto, em alguns casos o medo pode ser um sintoma e deve ser acompanhado por um médico.

Como Lidar com o Medo na Gravidez

O medo durante a gravidez é um sentimento bastante comum, existem alguns cuidados que ajudam a aliviar e a dar mais confiança grávidas.

Procure uma equipa médica de confiança, você deve sentir-se segura com o seu médico e criar uma relação de confiança, ao ponto de conseguir revelar todas as suas dúvidas e incertezas.

Abtraia-se de opiniões alheias. Quando estamos grávidas acontece conhecer alguém que gosta de partilhar momentos mórbidos sobre a gravidez e o nascimento de bebês. Aprenda a desvalorizar essas histórias e viva a sua gravidez de forma plena.

Não tenha medo de partilhar os seus receios, vai notar que eles são bem comuns entre as mulheres. Partilhe a sua ansiedade com o seu companheiro ou aquela amiga especial. Não tenha medo de revelar os seus medos.

O medo de perder o bebê, o medo de o bebê ter algum problema de saúde, o medo de um parto prematuro, o medo do parto, são medos comuns e em algum momento todas sentimos .

Apesar de algo normal e natural é importante estar sempre atenta. O medo e ansiedade pode ser algo problemático, especialmente, quando não a permite viver a gravidez na sua plenitude.

As mães com antecedentes de ansiedade e depressão devem estar mais atentas a este medo descontrolado.

Procure sempre ajuda médica quando houver uma situação que fuja ao seu controle.

Actualizado em:

AUTOR: Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.

VEJA TAMBÉM:

Contrações Treinamento Parto 1

Diferenças entre Contrações de Treinamento e de Parto

As contrações são um dos principais receios das gestantes. Saiba mais sobre quais as principais …