Como lidar com filho desobediente- Dicas que podem ajudar

Educar os filhos sempre foi um grande desafio especialmente para pais que precisam lidar com filhos desobedientes e indisciplinados, sendo que, para educar sem causar traumas vale a pena seguir as dicas dadas por especialistas.

Quem nunca esteve em um lugar público seja num parquinho ou shopping e viu aquela criança que gosta de chamar atenção.

Ela chora alto, se joga no chão e até aparenta um comportamento agressivo, os primeiros a serem criticados são os pais que não sabem colocar limites e acabam criando filhos desobedientes.

Como educar filhos desobedientes sem traumas

Imponha regras

Segundo a pedagoga e psicóloga Paula Lacombe que trabalha na Escola Sá Pereira do Rio de Janeiro é recomendado que as regras existam na casa e sejam transmitidas desde cedo, ou seja, se a criança sabe desde sempre que tem hora para dormir e precisa guardar os brinquedos quando terminar de brincar isso vai dar segurança.

Tenha paciência

Nos primeiros anos de vida a criança ainda está construindo seus valores morais e a própria identidade, sendo que, é comum que assim que comece a ganhar independência queira contrariar a vontade dos pais.

Saiba conversar com seu filho

O diálogo com a criança é muito importante e deve começar nos primeiros dias de vida, sendo que, conforme for crescendo é indispensável manter uma conversa com o filho, pois, é fundamental ter uma orientação que vem de casa.

Quando a criança se comportar mal sente com ela e converse olhando nos seus olhos e tente explicar uma forma simples e rápida que o que fez não foi certo.

Disciplinar

O diálogo é muito importante, mas algumas vezes não basta e é hora de assumir o papel de pai ou mãe e mostrar que para o mau comportamento há consequências.

Se a criança não guardou os brinquedos, comeu doce antes do almoço, assistiu TV até tarde, entre outras coisas que não eram permitidas dê um castigo com cautela, coisas do tipo: deixar um tempo sem celular ou TV, tirar um passeio ou um brinquedo querido vai ajudar a criança a ter senso de consequência e pensar melhor antes de descumprir as regras.

Não seja muito severo

As crianças ainda estão desenvolvendo seu senso de responsabilidade, por isso, é mais difícil saber o que é o certo e errado, por isso, precisa da orientação dos pais, que devem saber como lidar com o filho desobediente, não é recomendado ser severo demais se já conversou, castigou e mesmo assim ainda não teve resultado, saiba que criar filhos obedientes é complicado

Não seja negligente

Toda criança precisa de limites isso é fundamental para criar uma pessoa consciente que consiga viver bem em sociedade, então não se cale diante de um comportamento ruim de seu filho só porque não quer estragar sua imagem de pai legal, um pai realmente bom deve dar amor e carinho, mas também deve saber impor limites para poder criar adultos com valores.

Desobediência de mais é sinal de atenção. O desejo por atenção por conta da chegada de um irmãozinho, ou não estar conseguindo lidar com a raiva, tristeza ou medo.

Crie uma relação com a criança

Oferecer um bom ambiente para a criança onde ela encontre carinho e tenha atenção é fundamental, mesmo que não tenha tempo devido a uma rotina corrida reserve um momento para estar com seu filho, converse, explique as coisas, mostre que sempre vai está ali para dar amor, mas também para orientar.

Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.