Pais e filhos do século XXI- A importância da primeira infância

A primeira infância corresponde aos primeiros anos de vida das crianças. Os primeiros anos de vida de uma criança são muito importantes para o seu desenvolvimento. Cerca de 90% das conexões cerebrais são feitas até os 6 anos de idade. Nessa fase as crianças precisam receber estímulos para atingir o seu potencial máximo no futuro.

Vários estudos afirmam que a evolução do cérebro durante a primeira infância ocorre em uma velocidade incrível, principalmente por meio das interações com os pais, família e outras pessoas próximas. Essas interações sociais ajudam a impulsionar a atividade do cérebro.

Se a criança não receber os cuidados e estímulos necessários, muitas ligações entre os neurônios não acontecem. Isso pode diminuir o potencial de aprender e se desenvolver. Já foi comprovado que amar, brincar, aprender e cuidar são os principais fundamentos para o desenvolvimento saudável de uma criança.

Pais do século XXI

Falar mal da educação atual em comparação com a educação antiga pode gerar muitos debates. Existem várias características de uma geração para outra que são capazes de reconfigurar a dinâmica e ações de cada família.

Advertisement

A família com maior acesso à informação

Uma das principais características dos pais e da educação do século XXI é o maior acesso à informação, já que hoje, qualquer pessoa, inclusive crianças muito pequenas têm acesso a aparelhos com internet. Por exemplo: Antigamente muitos falavam que o chá de camomila acalmava.

Hoje é possível confirmar os benefícios desse chá e como devemos tomá-lo.

Os pais estão mais participantes na vida dos filhos

No começo as mães eram as maiores responsáveis pela saúde e educação dos filhos. Por causa da cultura, não era conveniente que as mulheres trabalhassem, dessa maneira tinham mais tempo para cuidar e educar os filhos.

Hoje com as mulheres no mercado de trabalho, os pais começaram a ter grande responsabilidade na criação dos filhos.

Advertisement

As maneiras de corrigir estão mais educativas

Antigamente os pais corrigiam seus filhos de forma violenta, como palmatória, ajoelhar no milho ou levavam surras.

Agora no século XXI, dificilmente, os pais partem para a violência, pois, a maioria conversa ou castiga tirando algo que a criança gosta como um brinquedo ou sobremesa.

Criar valores é o mais importante

Para criar um ser humano de forma adequada é preciso que ele tenha valores, como ter disciplina para cumprir suas responsabilidades da escola, em casa e com todos que estão a sua volta. Ser otimista, perseverante e saber lidar com um não são formas de ensiná-los a lidar melhor com os desafios do futuro.

É importante ficar atento com quem seus filhos mantêm contato na internet e em outros locais como na escola.

Advertisement

Dedicar um tempo do seu dia para o seu filho

Brincar, rir e se dedicar totalmente aos filhos é muito importante para você e claro para a educação deles. Separe pelo menos meia hora do seu dia para ficar com eles, mas sem o telefone por perto. Os filhos necessitam da presença dos pais para poder adquirir valores, sentir a sua proteção e aprender a ter limites.

Pais e filhos do século XXI

Paciência

Os pais agora devem ter mais paciência com as suas crianças mesmo que seja muito difícil. Na primeira infância as crianças não sabem o que estão fazendo, por isso, o papel dos pais é orientá-los e não castigá-los. Tenha muita paciência com seus filhos.

Companheirismo 

Advertisement

Pais e filhos do século XXI devem ser mais companheiros. As crianças devem confiar mais em seus pais e contar coisas que só contariam para amigos e também coisas que aconteceram e eles não gostaram. Devido ao afastamento dos pais, muitos filhos escondem que sofrem bullying na escola ou que passaram por assédio e outros problemas.

Controle da internet

Hoje os pais devem estar ainda mais atentos aos seus filhos quando eles estão na internet. Bloqueie o acesso a sites impróprios e sempre dê uma olhada nas redes sociais deles. Converse com seus filhos e peça para que eles não conversem com estranhos pela internet, pois, isso é muito perigoso.

Nunca castigue com violência

Advertisement

O diálogo é a melhor forma que um pai ou mãe tem de se relacionar com o seu filho. Muitos pais falam para as crianças que elas estão erradas, mas não explicam o motivo e acabam castigando as crianças com violência e isso não é permitido. Se a criança fez algo que não gostou ou então que seja errado, converse com ela e dê um castigo leve. Em alguns casos só a conversa já é suficiente.

Portanto a educação dos filhos de antigamente e a de agora são bem diferentes, mas o que não mudou foi que a maioria dos pais só quer o bem de seus filhos e evitar que eles caiam em enrascadas.

Advertisement
Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.