Cólica na Gravidez: Causas e quando ir ao médico

As cólicas são um problema que afeta muitas grávidas, especialmente no início da gravidez, neste caso as cólicas são um dos primeiros sintomas que a mulher sente.

A principal razão para sentir cólicas durante a gravidez é mesmo o bebé e o espaço e peso que ele ocupa, carregar um bebé pressiona os músculos, ligamentos, veias e os outros tecidos internos do seu corpo, que podem provocar algum desconforto.

A maioria das cólicas na gravidez melhora bastante quando a mulher descansa ou muda de posição. As cólicas são muito comuns e podem ter origem em diferentes causas, por norma, não precisam de uma visita ao médico, no entanto, em alguns casos deve consultar o seu médico.

Causas para as cólicas na gravidez

Uma das principais causas para o aparecimento das cólicas na gravidez é uma má alimentação que pode provocar flatulência e gases.

Opte por alimentação saudável e equilibrada, evite comer comidas muito pesadas, de difícil digestão, evite bebidas gasosas e evite falar enquanto mastiga para evitar a entrada de ar.

Entre os alimentos que deve evitar encontram-se o feijão, ovo, repolho, cebola, brócolos, grão-de-bico, frituras, ervilhas e produtos lácteos.

As infecções urinárias também podem provocar cólicas, neste caso é importante estar atenta a outros sintomas como ardor a urinar, comichão e corrimento, as infecções na gravidez podem e devem tratadas com medicação.

Entre outras causas par as cólicas encontramos intoxicação alimentar, apendicite, pedras nos rins e cálculos biliares.

O que fazer para evitar as cólicas na gravidez

Tente relaxar, procure uma posição confortável para descansar, na maioria das vezes o descanso alivia muito os sintomas.

Evite fazer esforços físicos, evite pegar em objectos pesados.

Faça uma alimentação saudável e evite os alimentos que podem desencadear má digestão e gases.

Beba bastante água ao longo do dia, a água é essencial para manter uma boa hidratação e o bom funcionamento do organismo, as bebidas com gás devem ser evitadas.

Quando deve ir ao médico?

Quando acompanhada de outros sintomas como febre, vómitos e calafrios deve consultar sempre um médico.

Advertisement
Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.