quarta-feira , fevereiro 1 2023
adultizacao acelerar a infancia

Adultização-  Os riscos de acelerar a Infância

Hoje em dia com toda a tecnologia, onde as informações estão na palma da mão, muitas crianças crescem muito rápido, acelerando a sua infância. Isso se chama adultização.

Advertisement

Na TV e na internet é possível encontrar meninos e meninas que já parecem adultas.

Para evitar que a adultização aconteça com seus filhos, veja algumas dicas que farão toda a diferença na criação deles.

Dicas para não acelerar a infância e evitar a adultização

Criança tem que se vestir como criança

adultizacao acelerar a infancia

A infância é o tempo mais delicioso na vida de uma pessoa.

Mesmo tendo que obedecer as regras dos pais, ir à escola todos os dias e seguir regras por todos os lados, a infância é a melhor época da nossa vida.

Por causa da tecnologia, meninas e meninos acompanham a moda no mundo todo e muitas vezes querem se vestir como o ídolo, porém, criança deve se vestir como criança.

Os pais podem ensinar as crianças a escolherem suas próprias roupas e se vestirem. Entretanto, eles devem ensinar quais são as roupas adequadas para cada idade.

Além de usar roupas de crianças, elas precisam ser confortáveis.

Crianças devem brincar

Brincar é a profissão da criança. Ainda falando da tecnologia, muitos pais deixam seus filhos horas dentro de casa com a cara na tela de um computador, tablet, celular ou vídeo game e isso não faz bem para as crianças.

Toda criança deve ter o seu tempo para brincar ao ar livre, pois, somente assim ela desenvolverá o social, emocional e cognitivo.

Pular, correr, imaginar, criar e estar sempre em movimento só vai ajudar a criança no seu desenvolvimento saudável e feliz.

Pelo menos uma hora do dia da criança deve ser para ela jogar futebol, brincar de pega a pega, pular corda e tudo mais que ela desejar.

As brincadeiras também desenvolvem habilidades como criatividade, raciocínio lógico, noção do corpo e do espaço, parceria e integração.

Criança muito ocupada deixa de ser criança

Toda criança tem o direito de ser criança.

Isso quer dizer, ela pode brincar, estudar, fazer amigos e ter a proteção e o amor dos pais e de toda a família.

Em algumas casas é comum ver crianças realizando tarefas que não são para a sua idade e ao seu preparo psicológico.

Por mais madura que a criança pareça ser, ela não pode assumir algumas responsabilidades que são somente para os adultos.

Atualmente os pais estão muito preocupados com o futuro dos seus filhos e deixam os pequenos com o dia repleto de tarefas, pois, além da escola normal, tem aula de reforço, curso de idiomas, instrumentos musicais, natação e tudo mais.

Esteja presente na vida do seu filho

Criar filhos é muito difícil. A família atual mudou muito de configuração, mas mesmo assim uma coisa que nunca muda é que seu filho precisa conviver com você.

Os pais devem ter um tempo dedicado ao seu filho, não precisa ser muito tempo, mas tem que ter qualidade.

Perguntas como: Como foi o seu dia? O que fez na escola? Fazem seu filho perceber que é muito importante para você, independente da quantidade de horas que passam juntos.

Criança tem personalidade e responsabilidade

A infância é uma etapa de grandes aprendizados. Ser criança também é ter direito a sua personalidade própria.

Apesar de estar sob a responsabilidade dos pais, toda criança é um ser humano, por isso, é única, com direito de se descobrir individualmente e desenvolver a sua personalidade.

Os pais precisam cuidar, educar, dar autonomia e limites aos seus filhos e isso não é nada fácil.

Advertisement

AUTOR: Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.

VEJA TAMBÉM:

podcast maternidade

Podcasts sobre infância: 5 programas que pais e mães vão adorar ouvir

Com tantas coisas para fazer ao mesmo tempo, quem tem filho pequeno precisa de uma …