Melhores métodos para acalmar o Bebê

A chegada de um bebê em casa é sempre motivo de alegria, porém, os primeiros dias do bebê também podem ser desesperadores para alguns pais que não conseguem fazê-los parar de chorar.

Ninguém nasce sabendo tudo sobre ser mãe ou pai, e em algumas situações não saber reagir pode levar à frustração.

Hoje separamos alguns dos métodos desenvolvidos por especialistas de como acalmar o bebê.

Métodos para acalmar o Bebê

Primeiro deve saber que não está sozinha, todos os pais passam por estas situações.

O seu bebê disparou a chorar, você já verificou e ele não está molhado, não está com fome, nem com frio ou calor, sendo que, é muito importante ter paciência nesse período de adaptação.

Método 5 S para acalmar o bebê

Para acalmar o bebê e até mesmo aliviar as cólicas o pediatra norte-americano Harvey Karp criou um método muito eficaz que faz a criança parar de chorar.

Segundo o especialista os filhos dos humanos são os mamíferos que nascem com mais necessidades, por isso, imitar o estado intrauterino vai ajudar o bebê a se acalmar, ou seja, simular de certa forma o útero da mãe vai deixar o pequeno mais seguro.

A técnica desenvolvida pelo pediatra foi chamada de 5 S e está dividida em cinco etapas que consistem em: Swaddle (envolver o bebê), Side position (colocar de lado), Shush (faça o som shhhh), Swing (balança suave), Suck (Dê algo para o bebê sugar).

Swaddle (envolver o bebê)

A etapa mais discutida porque, em um primeiro instante, pode causar desconforto no bebê.

Nessa etapa ele é envolvido com um lençol ou uma fralda de banho, é importante alinhar o bracinho ao corpo do pequeno, envolver, deixar o outro braço livre e depois enrolar o outro bracinho também.

Confira o vídeo explicativo.

Side position (colocar de lado)

Colocar o bebê de lado deixando a cabecinha apoiada na mão do adulto, nessa posição as pernas devem ficar livres, isso vai ajudar a aliviar as cólicas, já que, facilita a eliminação dos gases.

Contudo mesmo que adormeça nos braços, na hora de colocar no berço deve mudar a posição e colocá-lo de barriga para cima, porque dormir de lado aumenta o risco de morte súbita.

Shush (faça o som shhhh)

O doutor Harvey Karp recomenda fazer barulhos monótonos e repetitivos simulando o som uterino.

Sons como “shhh” em tom alto, esses sons são semelhantes também com o do secador ou o ruído do rádio na meia estação, eles vão acalmar o bebê fazendo-o recordar do tempo no útero materno, dando tranquilidade e ajudando a parar de chorar quase que de imediato.

Swing (balanço suave)

Nessa etapa o bebê deve ser deitado de lado, depois é preciso fazer movimentos delicados e com um ritmo regular, permitindo que ele sinta os movimentos com os quais era acostumado quando estava dentro da barriga.

Suck (Dê algo para o bebê sugar)

Os bebês sentem a necessidade de sugar, sendo por isso que se acalma na hora da amamentação porque, além de estar saciando a fome, ainda suprem mais essa necessidade.

Nessa etapa deve dar a chupeta ao pequeno, outra alternativa é dar o dedo que precisa está bem higienizado e pode ser introduzido ao contrário para não arranhar o céu da boca do bebê.

Dicas para acalmar o bebê

Se o método do norte-americano Harvey Karp não der certo ou prefere fazer do seu jeito separamos algumas dicas de como acalmar o seu bebê que podem te agradar mais.

Contato com a criança

Colocar o pequeno no colo e ninar do jeito tradicional também pode fazer efeito, deixe a cabecinha do bebê próximo a seu peito.

As batidas do coração podem acalmar e trazer segurança.

Cante para eles

Os bebês se acostumam rápido com o som das vozes dos pais, então cante para ele sempre em um tom baixo e de afeto, isso certamente vai acalmá-lo.

Com o tempo vai identificar qual sua música de ninar preferida.

Banho e massagem

Nos primeiros dias de vida os bebês tendem a sentir muita cólica, essa dor causa incômodo, sendo que, um banho quente e uma massagem podem aliviar esse desconforto e acalmar a criança.

Aprenda a fazer massagem em bebês antes de sua chegada para estar preparado para dar o melhor para seu filho.

Luana Araujo Silva

Resindência em Enfermagem Neonatal pela Universidade Estadual de Londrina/PR com amplo campo de atuação: Maternidade de Baixo Risco, Maternidade de Alto Risco, Unidade de Cuidados Intermediários e Intensivos Neonatal, Recepção do Recém nascido termo e pré termo na sala de parto. Segmento ambulatorial do recém nascido pré termo Habilitada para inserção e manutenção de Cateter Central de Inserção Periférica (CCIP/PICC), com auxilio de ultrassom e Inserção de Cateter Umbilical Arterial e Venoso. Também possui ampla bagagem na áreade aleitamento materno em recém-nascidos a termo e pré-termo.