Dores da gravidez – dores musculares e articulares

Algumas grávidas passam toda a gravidez sem sentir nenhum sintoma e sentir nenhuma dor, mas a maioria sente dores musculares e nas articulações, são dores bastante comuns e podem surgir ao longo de toda a gravidez, em diferentes parte do corpo e com diferentes intensidades, é o corpo a adaptar-se às modificações do seu corpo.

Com a gravidez todo o corpo e suas funções sofrem alterações, a barriga cresce, o útero aumenta e estica e pressiona os órgãos e os ossos, devido à pressão pode até sentir algumas dificuldades em respirar, a boa notícia é que depois de o bebé nascer a maioria das dores desaparece.

Para além das dores causadas pelo aumento do peso, também as alterações dos níveis de hormônios podem provocar dores nas costas, quadris, joelhos e tornozelos. As queixas de dores pioram no último trimestre da gestação.

Dores da gravidez   dores musculares e articulares

Como evitar dores musculares e articulares na gravidez?

Dores nas costas

A grávida pode sentir dor na região lombar, na região inferior das costas e dores nas pernas, sendo que piora se tiver muito tempo sentada ou em pé. Evite usar sapatos de salto alto e coloque um travesseiro entre as pernas ao dormir de lado.

Dor nos tornozelos

A dor nos tornozelos é causada pelo aumento do peso e pela acumulação de líquido nas pernas. Faça uma alimentação saudável e equilibrada e faça exercício físico indicado pelo seu médico ao longo da gravidez.

Cãibras

São muito comuns durante a gravidez, principalmente nas pernas e nas costas. Faça uma alimentação rica em cálcio, ingerindo leite e seus derivados ao menos três vezes por dia e potássio.

Dores nas articulações

A dor nas articulações é das mais frequentes nas mulheres grávidas e pode, em alguns casos, levar à sensação de dor ou dormência nas extremidades do corpo, principalmente nas mãos. Para evitar este tipo de dores mantenha a postura adequada, evite o aumento excessivo de peso e fala exercício.

Partilhar

>