Aromaterapia na Gravidez

A Aromaterapia é um ramo da fitoterapia que utiliza os aromas produzidos pelas plantas e flores para atenuar e aliviar alguns sintomas e problemas, são extraídos os óleos essenciais que isolados ou combinados entre si tratam uma série de situações. Os óleos essenciais podem ser usados diluídos através de massagens, cremes, loções, gel ou através da inalação.

A gravidez não é uma doença, mas acarreta alguns problemas que causam algum desconforto na mulher, a aromaterapia é uma forma natural de ajudar a aliviar alguns dos sintomas comuns da gravidez como insónias, estrias, azia ou enjoos, mas a Aromaterapia deve ser sempre utilizada com o aconselhamento de uma pessoa especializada.

A Aromaterapia é uma boa terapia para usar durante a gravidez, mas também no pós parto, no entanto, não é aconselhável o uso de óleos essenciais antes dos 5 meses de gestação e mesmo depois deve ter o aconselhamento de uma pessoa especializada porque alguns óleos essenciais possuem elementos químicos que podem ocasionar contrações.

gravidez-aromaterapia

Óleos essenciais que não deve usar na gravidez

  • Alecrim QT1
  • Anis
  • Arnica
  • Arruda
  • Artemísia
  • Bétula
  • Cânfora
  • Cedro
  • Cipreste
  • Endro
  • Erva-Doce
  • Hortelã-Pimenta
  • Jasmim
  • Manjericão
  • Mirra
  • Orégano
  • Poejo
  • Salsa
  • Tomilho

Óleos que pode usar durante a gravidez

Para combater os enjoos

Continuar a Ler...

Compartilhar ;)

Aromaterapia na Gravidez