Dieta para gestante

Numa gravidez, a necessidade de ter uma dieta saudável e equilibrada é grande. Além de impedir um aumento de peso excessivo por parte da grávida, vai também precaver o aparecimento de diabetes gestacional.

Além disso, é necessário uma dieta correta de forma a providenciar ao bebé todos os nutrientes que ele necessita para o seu desenvolvimento.

De seguida conheça os princípios para uma dieta correta para gestante, e ainda, quais os alimentos que deve evitar durante a gravidez.

Dieta-Grávida

Dieta para gestante

A dieta adequada para uma gestante deve ser saudável e equilibrada, balanceando gorduras saudáveis, proteínas magras, hidratos de carbono complexos, fibras, vitaminas e minerais, divididas em muitas refeições diárias.

A gestante deve comer várias vezes ao longo do dia, não deixando passar mais de 3 horas sem se alimentar. Claro que ao comer muitas vezes, a quantidade em cada refeição deve ser menor.

A grávida deve ter um ganho de peso máximo de 12 kg, e como tal, não pode simplesmente comer o que quer. Além disso, tal como em qualquer pessoa, a gestante deve praticar exercício físico regular, neste caso, adaptado e específico para gestantes.

Um estilo de vida saudável e ativo é vantajoso tanto para a saúde da grávida, como para o correto desenvolvimento do bebé.

Na hora de escolher os alimentos que vai comer, é importante perceber que há alimentos que a grávida deve evitar. Saiba mais de seguida.

Dieta para gestante – o que a grávida não pode comer

Gravidez não é doença, e como tal, a dieta para gestante não é muito diferente daquela que deve ter no seu dia-a-dia fora da gravidez.

No entanto, e apesar de a gestante poder comer de quase tudo, há alguns alimentos que deve evitar, de modo a não colocar em risco a sua saúde, e a saúde e desenvolvimento do seu filho.

Os alimentos que a gestante não deve comer incluem:

– queijos com fungos e com casca branca;
– queijos frescos;
– frutos do mar crus e marisco;
– peixe cru;
– peixes ricos em mercúrio (tubarão, peixe-espada e cação);
– carne de vaca mal passada;
– ovos crus ou alimentos com ovos crus na sua composição;
– fígado e miúdos;
– álcool;
– bebidas energéticas (com cafeína e outros);
– alimentos a que seja alérgico ou a que o seu marido seja alérgico.

Compartilhar ;)

Dieta para gestante