7 Dicas para a Futura Mamãe

A gravidez é uma fase da vida maravilhosa, com muita esperança no futuro que aí vem. No entanto, é também uma altura de muitas dúvidas, especialmente nas mamães de primeira viagem.

Se é esse o seu caso, então deixamos aqui 7 dicas para a futura mamãe que a irão ajudar nos primeiros meses de vida do seu bebé. Confira.

Dicas para a futura mamãe

Dica nº1
A não ser que não possa mesmo, por razões de saúde, deve amamentar o bebé nos primeiros meses de vida. Nos primeiros dias pode parecer complicado dar a mama ao filho, mas logo que apanhe o jeito, vai ver que não custa nada, e o seu bebé irá usufruir de todos os benefícios do leite materno. O bebé deve ser amamentado nos primeiros tempos sempre que sentir fome, sendo essencial que ele esvazie as duas mamas, para não causar dor na mamãe. Após dar de mamar, deve colocar a criança a arrotar. Não se esqueça de limpar os seios sempre com soro fisiológico antes de mamar.

Dica nº2
Para lavar o bebé nos primeiros tempos deve usar preferencialmente algodão com água morna e fervida, utilizando um sabão neutro. Deve evitar usar perfumes e talco, pois podem criar alergia.

Dica nº3
Deve vestir sempre a criança com roupas adequadas à temperatura. Ela precisa de estar quente sim, mas se a temperatura já estiver alta, deve vesti-la com roupas leves.

Dica nº4
As mãos são a parte do corpo humano que mais em contacto entra com tudo o que nos rodeia. Dessa forma, é natural que sejam um dos meios mais comuns de transmissão de doenças. Dessa forma, para evitar problemas, lave sempre as mãos antes de pegar no bebé. Além disso, evite o contacto com pessoas que tenham doenças contagiosas.

Dica nº5
Quando o bebé chora, nem sempre é por ter fome ou sede. As cólicas, a fralda suja, mesmo um ambiente mais tenso em casa após uma discussão entre os pais, pode gerar na criança choro e desconforto. Lembre-se que nesta fase, a única forma que o bebé tem para comunicar é através do choro.

Dica nº6
Após o nascimento é essencial que siga o plano nacional de vacinação, mas também, que faça os testes necessários, como o teste do pezinho (deteção de doenças), do reflexo da luz vermelha (visão), e da orelhinha (audição). Se aperceber-se de algo errado no seu bebé, não espere: leve logo ao médico.

Dica nº7
Nunca medique o seu filho sem prescrição médica.